Dra, minha flacidez abdominal me incomoda!

Quando a questão é correção de flacidez abdominal, muitas pacientes acreditam que podem escolher qual tipo de procedimento gostariam de realizar e, nesse caso, a mini abdominoplastia é sempre a escolha por ter uma cicatriz menor como resultado. Entretanto, embora a opinião de nossas pacientes seja super válida e importante, cada corpo terá uma indicação que deverá ser respeitada! Essa indicação deve passar pela avaliação de um especialista em cirurgia plástica, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

A mini abdominoplastia é, em geral, indicada para aquela paciente “magra com barriga”. São pacientes que engordaram pouco na gestação (de 8 a 10kg) e que possuem flacidez abdominal frontal, localizada abaixo do umbigo. Essa cirurgia retirará uma quantidade de pele menor que a abdominoplastia convencional e tratará o músculo do abdome (que ficou separado após a gestação) somente na região abaixo do umbigo, podendo reposicionar o umbigo em uma posição um pouquinho mais baixa que a original. Logo, a cicatriz resultante é menor (geralmente entre as coxas) porque estamos tratando flacidez de pele localizada e em menor quantidade.

Já a abdominoplastia convencional é indicada para aquelas pacientes que engordaram mais na gestação (de 15 a 20kg) ou tiveram grandes variações do peso corporal, em que o abdome passou por distensões e o músculo da região ficou bastante separado. Essa cirurgia retirará toda a pele abaixo do umbigo, tratará o músculo do abdome em toda sua extensão e manterá o umbigo na posição original. A cicatriz da abdominoplastia convencional logo será maior (de “ponta a ponta”, mas disfarçada na área das peças íntimas) porque trata uma flacidez de pele maior.

Viu como é diferente?

Ainda com dúvidas? Então converse com a sua cirurgiã plástica!

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria deixar seu comentário?
Então, participe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *